23/11/2021 às 17h48min - Atualizada em 23/11/2021 às 17h48min

Curso de Letras Libras da Universidade Federal do Piauí – UFPI, ampliou o número de pesquisas sobre os surdos

A educação das pessoas surdas tiveram alguns avanços, mas alguns obstáculos estruturais ainda precisam ser superados

Foto: Intopo

A UFPI conta com o curso de Letras Libras, que tem possibilitado um aumento no número de pesquisa sobre os surdos, além de formar novos professores que estão ajudando de forma técnica e qualificada na educação do surdo.

Para Leila Rachel que é professora e coordenadora do curso de Letras Libras da UFPI, a educação das pessoas surdas tiveram alguns avanços, mas que alguns obstáculos estruturais ainda precisam ser superados para que essa educação seja a ideal.

“No Letras Libras, temos formados novos professores e profissionais para área, com uma visão renovada, que já vem fazendo a diferença na sociedade” destaca Leila Rachel

Ainda de acordo com a coordenadora, a criação de escolas bilíngues por todo o Estado, possibilitariam para que os alunos surdos chegassem ao ensino superior com um conhecimento mais amplo em português e libras.

“Estamos em semana de apresentação de TCC e muitos dos alunos surdos estão brilhando em suas apresentações, eles se superaram, evoluíram, muitos chegaram no curso sabendo pouco de português e libras, mas que por meio do ensino conseguiram produzir bons trabalhos”, afirma. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp