16/11/2021 às 16h24min - Atualizada em 16/11/2021 às 16h43min

Bolsonaro teria pedido a troca do diretório do PL - MA

O presidente que está sem partido vem em conversando com a sigla para se afiliar. No entanto, vem exigindo mudanças nas lideranças do partidos nos estados.

CNN
Foto: Atual7

De acordo com lideranças do governo no Congresso Nacional, os impasses nos palanques regionais entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e a sua possível nova legenda, o Partido Liberal (PL), vão além de São Paulo. As questões se estendem para quatro estados do Nordeste.

 

Um deles é o Maranhão, onde o chefe do Executivo teria requisitado a substituição do presidente do diretório do estado, Josimar Maranhãozinho. O pedido não foi aceito pelo presidente da sigla, PL Valdemar Costa Neto.

 

Já na Bahia e no Piauí, o impasse se deve ao fato do PL compor a base de apoio aos governadores do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Costa e Wellington Dias.

 

Por fim, em Pernambuco, o presidente da República gostaria de dar o comando do diretório estadual ao ministro do Turismo, Gilson Machado. 

 

Porém, Neto divulgou uma nota na sexta-feira (12) afirmando que as decisões tomadas pela direção da legenda no estado contam com o apoio da direção nacional do partido.

 

Mesmo com esses percalços, Bolsonaro negou que tenha “trocado farpas” com o presidente da sigla. 

 

Nesta segunda-feira (15), ele ainda afirmou que deve decidir em qual partido irá se filiar dentro de um período entre duas e três semanas.




Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp