01/11/2021 às 10h09min - Atualizada em 01/11/2021 às 10h09min

Cemitérios de Teresina se preparam para receber visitantes no Dia de Finados

Equipes da Prefeitura estarão nas entradas dos cemitérios orientando as pessoas para evitar aglomerações em torno das sepulturas.

portalodia.com
Foto: Assis Fernandes/ODIA

O Dia de Finados, celebrado em 02 de novembro, será o primeiro no qual os cemitérios de Teresina estarão abertos para visitação durante a pandemia. Em meio à crise sanitária, a recomendação é a mesma para todos: o acesso aos locais só será permitido com uso de máscara, higienização das mãos com álcool em gel e manutenção do distanciamento social.

Os cemitérios de Teresina já estão preparados para receber os visitantes. Equipes enviadas pelas Superintendências de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD’s) já fizeram o trabalho de limpeza e capina e, em algumas unidades, haverá a realizações de missas campais.

“Este ano esperamos um público maior em relação ao que tínhamos antes da pandemia, já que no ano passado não tivemos visitação. Esperamos média de até 2.600 visitantes só nos cemitérios da zona Sul e estamos atuando com equipes nas entradas para que o público seja orientado no sentido de manter o distanciamento e evitar aglomerações”, diz o diretor de cemitérios e mercados da zona Sul, Ednaldo Sousa.

 

Confira abaixo os horários de funcionamento dos cemitérios de Teresina no Dia de Finados:

- Zona Sul: os cemitérios Dom Bosco, Santa Cruz e Areias funcionarão das 07h às 18h;

- Zona Norte: os cemitérios Rio Poty, Santa Maria da Codipi, Santo Antônio e São João Batista vão funcionar das 06h às 19h;

- Zona Sudeste: os cemitérios do Renascença e São Sebastião funcionam das 05h às 18h;

- Centro: o Cemitério São José, no bairro Matinha, funcionará das 06h às 19h;

- Zona Leste: os cemitérios vão funcionar das 05 às 20h.

 

Em 2021, as tradicionais missas em celebração aos finados no dia 02 de novembro também contarão com participação presencial dos fiéis. Na terça-feira, Dom Jacinto Brito, arcebispo de Teresina, celebrará duas missas: às 09h no Cemitério Jardim da Ressurreição, e às 17h na Catedral de Nossa Senhora das Dores.

 

Confira abaixo os horários das missas campais no Dia de Finados em Teresina:

Centro

- Cemitério São José (Bairro Centro) - 01/11 às 17h30, e 02/11, às 06h30, 08h e 17h30;

Zona Sul

- Cemitério Areias (Areias) – 7h;

- Cemitério Dom Bosco (Vermelha) - 8h, 18h30 na Igreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes;

- Cemitério Santa Cruz (Promorar) – 7h na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário de Fátima;

Zona Norte

- Cemitério São João Batista (Santa Maria da Codipi) - 7h;

- Cemitério da Santa Maria da Codipi – 7h e 17h;

Zona Sudeste

- Jardim da Ressurreição (Bairro Gurupi) – 09h e 16h;

- Cemitério do Renascença (Bairro Renascença) – 07h, 09h, 17h e às 19h na Igreja Matriz;

- Cemitério São Sebastião (Bairro Todos os Santos) – 17h;

Zona Leste

- São Judas Tadeu (Bairro Noivos) – 07h, 10h, 17h;

- Cemitério Santa Mônica (Bairro Pedra Mole) – 7h

Zona Rural

- Recanto da Saudade (BR-343) – 8h e 17h;

- Cemitério Santa Cruz (Lagoa Do Piauí) – 17h;

- Cemitério principal e Cemitério dos anjinhos (Demerval Lobão) – 17h.

 

Momento é de reflexão e preparação para a eternidade

Para a Igreja Católica, o dia 02 de novembro é dedicado à celebração dos fiéis defuntos. A data coloca os cristãos diante do mistério da morte e é uma forma de fazer memória e rezar pelos entes queridos que já partiram para a morada eterna.

O dia também pode ser vivenciado como um momento para olhar a vida e refletir sobre a caminhada de fé, em preparação para a eternidade. Conforme o padre José Nery, administrador paroquial da Diaconia Territorial Nossa Senhora Aparecida, na Igreja sempre existiu o cuidado de ensinar que é preciso confiar que o Senhor vai acolher as almas dos que partiram.

"Às vezes olhamos e resumimos tudo aquilo que somos e temos ao agora. Mas, no entanto, para além desta passagem está a vida eterna. Logo, nossa vida está nas mãos do Senhor Jesus. Quando ele diz: 'Eu sou o caminho, a verdade e a vida' esta é a palavra que a Igreja nos dá sobre a morte. A vida não se encerra no túmulo. Mas, para além do túmulo, nós iremos nos encontrar com o próprio autor da vida”, explicou. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp