26/10/2021 às 08h48min - Atualizada em 26/10/2021 às 08h48min

Strans encontra irregularidade em sistema de bilhetagem de alternativos

A prefeitura autorizou uma licitação para novos permissionários ampliando inclusive o número de veículos

meionorte.com
Foto: Divulgação

A Prefeitura de Teresina através da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), informou nesta terça-feira (26), que a suspensão temporária dos validadores de cartão magnético dos veículos do transporte alternativo de Teresina se deu em consequência de irregularidades atestadas por meio do sistema de bilhetagem eletrônica caracterizando o uso indevido destes meios de pagamento, alem do reiterado descumprimento das ordens de serviço envolvendo número de viagens e rotas por exemplo. 

A prefeitura autorizou uma licitação para novos permissionários ampliando inclusive o número de veículos. “A  Strans informa também que todas as reuniões com entidades sindicais ocorrem na presença de um membro do jurídico da STRANS e do Sindicato além de técnicos da pasta e da assessoria de imprensa para que todas as conversas sejam transparentes e republicanas”, diz trecho da nota.

Os motoristas de transporte alternativo de Teresina entraram nesta terça-feira (26) no sexto dia de paralisação. O movimento ocorre em razão do bloqueio do equipamento utilizado para a realização do pagamento das passagens por meio de cartão magnético.

Na semana passada, em entrevista ao Meionorte.com, Marcos Vinícius,  permissionário do transporte alternativo há 16 anos em Teresina, destacou que sem as máquinas de cartões, fica inviável o setor se manter. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp