10/10/2021 às 21h42min - Atualizada em 10/10/2021 às 21h42min

Brasil empata com Colômbia e tem sequência de vitórias encerrada

Seleção perde chances no primeiro tempo, melhora mais uma vez com entradas de Antony e Raphinha no segundo tempo, mas fica no 0 a 0 em Barranquilla. Equipe lidera competição com 28 pontos

ge.globo.com
Foto: Ricardo Maldonado/EFE

Resumão

Após 10 partidas, o Brasil encerrou um jogo sem vitória nas eliminatórias. Brasil e Colômbia desperdiçaram muitas chances e empataram por 0 a 0, neste domingo, em Barranquilla, em partida atrasada da quinta rodada da competição. Neymar voltou ao time e foi bem na primeira etapa, mas caiu muito no segundo tempo, quando Antony e Raphinha novamente fizeram a diferença, mas não evitaram o placar zerado. A Seleção tem sua sequência de triunfos encerrada, mas segue líder com folga.

A TABELA

O Brasil tem 28 pontos e segue líder com folga das eliminatórias. Está com um pé na Copa do Mundo. A Colômbia tem 15 pontos e é a quinta colocada, posição que a levaria à repescagem. Na próxima quinta, a Seleção encara o Uruguai em Manaus, e os colombianos recebem o Equador, novamente em Barranquilla. Confira a tabela completa das eliminatórias!

OS 90 MINUTOS

No calor de Barranquilla, a Seleção fez um bom primeiro tempo e criou boas chances nos minutos finais da segunda etapa. Mas também foi ameaçada. A equipe brasileira terminou com 63% de posse de bola, finalizou nove vezes, contra 13 dos donos da casa. O Brasil manteve um bom ritmo nos 45 minutos iniciais. Obrigou Ospina a fazer boa defesa em chute de Neymar no começo e desperdiçou ótima chance com Fred, que finalizou para fora da entrada da área após passe do camisa 10.

No entanto, na volta do intervalo, o cenário mudou. O trio de frente com Neymar, Gabriel Jesus e Gabigol pouco funcionou, e a Colômbia pressionou. Alisson fez duas boas defesas em chutes de Uribe e Quintero, e a Seleção teve que acordar. Novamente nos pés de Raphinha e Antony. Eles entraram nas vagas dos dois "Gabriéis" e deram novo fôlego ao time brasileiro.

O jogador do Leeds obrigou Ospina a fazer ótima defesa em chute da entrada da área com a canhota, aos 31 minutos, na primeira finalização do Brasil na segunda etapa. Pouco depois, aos 38, ele cruzou para o atacante do Ajax finalizar de chapa. O goleiro colombiano espalmou mais uma vez para fora e garantiu o 0 a 0 para os donos da casa.

E NEYMAR?

Suspenso contra a Venezuela, Neymar voltou ao time e teve dois tempos distintos: foi bem na primeira etapa, mas errou muito na segunda e ainda protagonizou várias discussões com Mina. Ele obrigou Ospina a fazer boa defesa em chute no começo do jogo, deu bom passe para finalização de Fred, mas caiu no segundo tempo. Errou 15 passes no jogo e, em duas situações, seus erros ocasionaram oportunidades para a Colômbia.

ELES NOVAMENTE

Destaques contra a Venezuela, Raphinha e Antony novamente entraram bem no segundo tempo. O atacante do Leeds entrou aos 15 minutos, no lugar de Gabigol, e deu novo vigor ao time com suas jogadas individuais na ponta direita, com sua perna esquerda. Ele finalizou duas das nove vezes do brasil e cruzou na medida para Antony finalizar uma vez. O atacante do Ajax entrou aos 25, no lugar de Gabriel Jesus, ficou na ponta esquerda e teve a grande chance do Brasil na segunda etapa.

SEGUE O JEJUM...

Gabriel Jesus passou mais uma partida em branco pelo Brasil. Ele não faz um gol pela Seleção desde a final da Copa América de 2019, há mais de dois anos. São 14 partidas desde então. Neste domingo, o atacante do Manchester City atuou na ponta direita. Depois da saída de Gabigol, aos 15 da segunda etapa, ele jogou por alguns minutos centralizado, mas logo foi substituído e saiu do jogo sem uma finalização sequer.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp