24/09/2021 às 09h49min - Atualizada em 24/09/2021 às 09h49min

Mulher que assinou plano de voo de avião da Chapecoense é presa em MS

A Polícia Federal prendeu controladora responsável por assinar o plano de voo do avião da Chapecoense, em 2016.

uol.com.br
Imagem: Reprodução/SporTV

A Polícia Federal de Corumbá, em Mato Grosso do Sul, prendeu hoje a boliviana Celia Castedo, controladora responsável por assinar o plano de voo do avião da Chapecoense, em 2016. O UOL Esporte confirmou a prisão.

 

Conforme informações do 'Jornal Nacional', a ordem de prisão foi assinada por Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal. Conforme a sentença, Celia é dada como 'procurada pela Justiça boliviana para responder pela suposta prática do crime de atentado contra a segurança no espaço aéreo'.

 

Ainda de acordo com o 'JN', a Polícia Federal ficou responsável pela prisão de Celia. A decisão do STF determina a extradição da investigada. Ela morava no Brasil desde 2016, quando solicitou asilo alegando ameaças desde suas declarações sobre o voo.

 

A controladora assinou o plano de voo da Lamia, que transportava o time brasileiro. O documento em questão mostrou que o piloto decolou da Bolívia para a Colômbia sem a quantidade suficiente de combustível.

 

O desastre terminou com 71 pessoas mortas, entre jogadores da Chape, comissão técnica, jornalistas e funcionários da companhia aérea. Todos embarcavam para a final da Copa Sul-Americana.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp