28/01/2022 às 13h26min - Atualizada em 28/01/2022 às 13h26min

HUT fecha parceria com a clínica-escola da Uninassau para reabilitação pós-trauma

No HUT, maior unidade pública de assistência em traumatologia da região, vítimas de trauma correspondem a cerca de 69% dos atendimentos cirúrgicos de média e alta complexidade, a grande maioria (88%) são de pacientes que sofreram acidentes de trânsito envolvendo motocicletas.

PMT

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e o Centro Universitário Mauricio de Nassau (UNINASSAU-Redenção) fecharam nesta semana uma parceria no sentido de promover a reabilitação pós-trauma através da fisioterapia com todo o suporte e respaldo científico atualizado de cuidados com o paciente pós-alta hospitalar.

No HUT, maior unidade pública de assistência em traumatologia da região, vítimas de trauma correspondem a cerca de 69% dos atendimentos cirúrgicos de média e alta complexidade, a grande maioria (88%) são de pacientes que sofreram acidentes de trânsito envolvendo motocicletas.

O trauma engloba diferentes pontos de cuidado, num primeiro momento, o cuidado tem de ser urgente para manter a vida do paciente e minimizar possíveis sequelas, já na fase de acompanhamento, a transição para a clínica-escola da Uninassau após a internação, visando sempre o melhor resultado na terapêutica dos pacientes, explica Fábio Marcos, diretor geral do HUT.
 

A importância da reabilitação no trauma é evidenciada pelas pesquisas que demonstram preocupação com a recuperação funcional e ocupacional, fundamental para o retorno às atividades diária. A clínica escola está localizada em frente ao Hospital com equipamentos e equipe multiprofissional com forte ligação para o acompanhamento ambulatorial pós-hospitalar.

Para a professora Lilian Guimarães, diretora da Uninassau a parceria com o HUT permitirá aos alunos a vivência da prática profissional em dois níveis de atenção à saúde: o tratamento e a reabilitação. “Na Clínica-escola, nosso aluno vivencia todas as práticas profissionais e atendimento aos pacientes, fazendo com que a relação instituição-comunidade se aproxime ainda mais”, comenta.

A reabilitação pós-trauma de trânsito é uma demanda social, O projeto vai contemplar pacientes com lesões ortopédicas que necessitam recuperar através da fisioterapia. “Queremos oferecer uma solução mais completa possível, com o maior número possível de opções gratuitas em assistência a saúde aos nossos usuários que são 100% SUS, finaliza Hormone Rodrigues, diretor médico.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp