24/01/2022 às 10h57min - Atualizada em 24/01/2022 às 10h57min

Indonésio de 22 anos se torna milionário vendendo autorretratos em NFTs

Monetizar os autorretratos não era a ideia inicial de Sultan, que até então tirava selfies com objetivo de rastrear seu tempo gasto como estudante, e então fez um ‘timelapse’ em sua formatura para recordar sua jornada pela universidade.

Isto é
Na Indonésia, Sultan Gustaf Al Ghozali, um jovem universitário de 22 anos, se tornou milionário vendendo selfies convertidos em  NFTs (token não fungível). A coleção com 1.000 imagens, feitas durante cinco anos, vale mais de US$ 1 milhão — R$ 5,5 milhões. As informações são do O Globo.
 

Monetizar os autorretratos não era a ideia inicial de Sultan, que até então tirava selfies com objetivo de rastrear seu tempo gasto como estudante, e então fez um ‘timelapse’ em sua formatura para recordar sua jornada pela universidade. 

A situação mudou em dezembro do ano passado, quando o jovem converteu as imagens em NFTs e as comercializou na plataforma OpenSea, o maior marketplace do ramo, pelo valor unitário de US$ 3. A partir disso, membros proeminentes do Crypto Twitter passaram a comprar e comercializar seus autorretratos.

“Você pode fazer qualquer coisa com elas, mas, por favor, não abuse das minhas fotos ou meus pais ficarão muito desapontados comigo. Acredito em vocês, então, por favor, cuidem das minhas fotos”, escreveu Sultan no Twitter.
 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp