19/01/2022 às 11h58min - Atualizada em 19/01/2022 às 11h58min

Técnica de defesa pessoal pode ajudar crianças contra o bullying

Krav Magá ensina os pequenos a desenvolver habilidades para superar o assédio no ambiente escolar e recuperar autoestima

Terra

A discussão sobre bullying é sempre retomada quando um novo ano letivo está próximo. Afinal, lidar com problemas emocionais provocados pela intolerância dos colegas pode deixar tudo mais difícil para os estudantes, além de ser preocupante para os pais, responsáveis, professores e escolas.

Algumas ferramentas, porém, podem ser úteis para ajudar os jovens a se protegerem contra a bullying. O Krav Magá tem se mostrado uma delas. Essa técnica de defesa pessoal israelense é indicada a crianças a partir dos 7 anos e ajuda na recuperação da autoconfiança e da autoestima, além de desenvolver habilidades como a convivência em grupo, o apoio e a solidariedade. Fisicamente, a técnica também permite que os que a praticam ganhem força e agilidade para mudar a relação com o medo e a ansiedade, tudo sem o uso de violência.
 

Um estudo divulgado pela USP (Universidade de São Paulo) em 2019, com dados do SP – Proso (Projeto São Paulo para o Desenvolvimento Social de Crianças e Adolescentes), mostrou que 29% dos jovens sofrem bullying nas escolas em São Paulo. Desse total, 23% ainda afirmaram ter sido vítimas de violência. Por isso, todas as ferramentas que ajudem a mudar esse cenário são bem-vindas.

Defesa e superação

“Com os treinos de Krav Magá, as crianças e adolescentes aprendem a se defender, superar o medo da violência e do bullying, recuperar a autoestima e autoconfiança, além de andar com mais segurança pelas ruas”, diz Avigdor Zalmon, presidente da Federação Internacional de Krav Magá.

Essa técnica de defesa pessoal foi desenvolvida para treinar o exército israelense. Consiste numa filosofia de vida baseada em valores como honestidade, humildade, solidariedade, educação e respeito, reforçando valores ensinados pelos pais a seus filhos. Quem quer conhecer mais pode assistir a vídeos da federação com treinos gratuitos no YouTube.
 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp