18/01/2022 às 10h56min - Atualizada em 18/01/2022 às 10h56min

PMT instala mobiliários interativos na Avenida Frei Serafim para informar dados de mobilidade

O projeto é um financiamento da União Europeia, através do programa EuroClima+, com aporte de 500 mil euros.

PMT

Dentro da programação de encerramento do projeto Observatório do Transporte, a Prefeitura de Teresina realiza nesta terça-feira (18), através do departamento Agenda Teresina 2030, vinculada à Secretaria Municipal de Planejamento, a aplicação de técnicas de urbanismo tático para oferecer aos usuários do transporte público a oportunidade de testar soluções que visam a melhoria dos espaços urbanos, fazendo com que a população tenha acesso às informações sobre mobilidade através destas implementações lúdicas. em espaços livres.

A ação acontecerá na avenida Frei Serafim, próximo ao cruzamento com a avenida Coelho de Resende, a partir das 11h. Uma experiência similar já foi executada nas intermediações da parada de ônibus da Praça da Bandeira, Centro de Teresina. A intervenção também possui o objetivo de divulgar informações do projeto Observatório do Transporte. Os mobiliários possuem informações sobre o transporte público da capital, e funcionam de forma lúdica e interativa, como por exemplo, uma delas está em um gráfico no formato de pizza. Ele funciona como um banco para a população que passa pelo local.
 

O projeto é um financiamento da União Europeia, através do programa EuroClima+, com aporte de 500 mil euros. O Observatório passou por um período de diagnóstico onde foram analisadas estratégias de desenvolvimento urbano voltadas para o transporte coletivo que atendam toda população teresinense, detectando os principais problemas. Após essa etapa, o trabalho feito pela Prefeitura foi de buscar unir e praticidade no desenvolvimento das soluções de mobilidade.

“Essa ação faz parte do projeto Observatório do Transporte e uma das suas finalidades é trazer informações sobre o transporte coletivo e mobilidade urbana para população. Uma dessas soluções é através da materialização dessas informações, como bancos em formato de gráfico e isso facilita o acesso desses dados aos usuários. A população passa a ter acesso aos dados sobre a locomoção urbana e pode interagir de uma forma mais útil”, pontua Cíntia Bartz, coordenadora da Agenda Teresina 2030.

O projeto é um financiamento da União Europeia, através do programa EuroClima+, com aporte de 500 mil euros. O Observatório passou por um período de diagnóstico onde foram analisadas estratégias de desenvolvimento urbano voltadas para o transporte coletivo que atendam toda população teresinense, detectando os principais problemas. Após essa etapa, o trabalho feito pela prefeitura foi de buscar unir e praticidade no desenvolvimento das soluções de mobilidade.

Entre os projetos escolhidos, há o desenvolvimento de um sistema de gestão de indicadores de qualidade para auxiliar na tomada de decisões pelos gestores; outra com solução digital para manutenção das frotas de ônibus pelos motoristas em contato direto com as garagens das empresas responsáveis; e um sistema que visa a organização nas rotas de ônibus da capital.

“O projeto apresentou provas de conceito que comprovam que as soluções desenvolvidas são viáveis e ajudarão, através da tecnologia, o desenvolvimento de ações para melhorar a gestão do transporte público na cidade. A busca agora será a implementação de um projeto piloto e depois no sistema como um todo”, conclui Cíntia.

Observatório do Transporte

A Agenda Teresina 2030, um departamento da Secretaria de Planejamento do município, coordena o projeto e trabalhou em colaboração com a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (STRANS) e a Empresa Teresinense de Processamento de Dados (PRODATER), devido a sua importância na busca por uma cidade mais resiliente e participativa. O projeto já faz parte de uma parceria firmada entre Prefeitura, Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (SEMPLAN), e a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), através do Programa Euroclima+. No Brasil, apenas Teresina e Santos foram contempladas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp