13/01/2022 às 13h41min - Atualizada em 13/01/2022 às 13h41min

Espanha limita preço de testes de autodiagnóstico de covid devido a críticas

A medida, que entrará em vigor no sábado, chega após semanas de pressão pelo elevado preço desses testes feitos em casa, nos quais os clientes costumam pagar entre 7 e 12 euros por unidade.

AFP
A Espanha impôs nesta quinta-feira (13) um limite ao custo dos kits de autodiagnóstico de antígenos de covid-19 para 2,94 euros (3,37 dólares), depois que o governo recebeu inúmeras críticas pelo seu preço alto. 

 

A medida, que entrará em vigor no sábado, chega após semanas de pressão pelo elevado preço desses testes feitos em casa, nos quais os clientes costumam pagar entre 7 e 12 euros por unidade.

"O acordo adotado por consenso (...) foi o de limitar o preço da venda ao público máximo do teste de antígenos a 2,94 euros", anunciou a ministra da Saúde, Carolina Darias. 

Darias anunciou também que a Espanha começará a administrar a terceira dose da vacina em pessoas de entre 18 e 39 anos, que poderão recebê-la cinco meses depois da segunda, em vez dos seis meses de espera anteriores.

Os críticos afirmam que a limitação dos preços dos testes chegou tarde demais após o aumento da demanda de testes durante o recesso de Natal, quando os casos de covid dispararam pela variante ômicron, o que provocou um desabastecimento e um aumento dos preços.

Se o presidente do governo Pedro Sánchez "tivesse sensibilidade, os testes de antígenos deveriam ser gratuitos. Exigimos que tenham um preço máximo de 2 euros", afirmou Teodoro García, do primeiro partido da oposição, o Partido Popular (conservador). 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://intopo.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp